30 setembro, 2008

Asterisco brasileiro sucumbe ao star system de Tio Sam


Asterisco brasileiro sucumbe ao star system de Tio Sam


Um asterisco estava cansado. Não aguentava mais explicar coisas que ninguém queria saber e de substituir o que muitos obrigavam a dissimular. Resolveu que isto não era vida para um signo de pontuação:

“Neste país a vida é ingrata para os asteriscos. Ou você fica por baixo ou tem que encobrir as safadezas dos outros – o que também é uma forma de ficar por baixo. Sem contar que muita gente me esculhamba, me chamam de 'asterístico'... Por essas e outras que resolvi me mudar para os Estados Unidos. Tenho certeza de que lá eu vou poder brilhar*.”


* Nosso personagem aceitou fazer este último e metalingüístico trabalho subalterno apenas por nunca antes ter protagonizado um texto qualquer e por acreditar que poderia acrescentá-lo a seu portfólio.

1 Comments:

At 9:17 PM, Anonymous Anônimo said...

Olá pedro
Sou a Susan, sua amiga no orkut... queria saber se vc permite que eu use seu texto como exemplo na minha oficina de criação literária! Claro que com as devidas ligações a seu nome e blog...
Susan Blum

 

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home